Available courses

Objetivos

  1.  Reconhecer a grande renovação da paisagem arquitetónica do Norte e Centro de Portugal imposta pela arte românica: antecedentes pré-românicos e respetivas características; contexto histórico dos reinos asturiano e leonês e impacto no futuro território português.
  2. Caracterizar a arte românica em Portugal nos seus aspetos estruturantes: elementos tipológicos arquitetónicos; especificidades escultóricas e os limites de análise interpretativa; o lugar da tumulária; o protagonismo militar num reino em constante guerra; a “inexistente” pintura e os dados da documentação que contrariam a realidade material remanescente; iluminura e contributo monástico; as artes do metal (ourivesaria e torêutica) e a liturgia vigente; arquitectura civil e os âmbitos domésticos.
  3. Identificar o percurso cronológico e as obras de arte chave em cada momento de afirmação da arte românica: diversidade das primeiras experiências (Braga e Coimbra); o românico na Coimbra, capital do reino de Portugal; as obras relacionadas com a progressão de oficinas galegas; o rico panorama artístico da segunda metade do século XII; as transformações registadas no reinado de D. Sancho I; o Românico «nacionalizado» da primeira metade do século XIII; últimas experiências e o quadro mental que as justificam.
  4. Fornecer uma visão diacrónica e tendencialmente comparada sobre a vitalidade da arte românica em Portugal e sua relação com a história social, política e económica do nascente reino.

Objetivos:

  • Refletir sobre a ida de Portugal às trincheiras europeias da I Guerra Mundial
  • Conhecer os preparativos para a campanha europeia: do “show” de Tancos ao desembarque em Brest para rumar à Flandres
  • Compreender vivências de quotidianos nas trincheiras portuguesas
  • Desmistificar alguns protagonismos, preconceitos e estereótipos do imaginário popular e historiográfico conservador
  • Privilegiar o trabalho de fontes primárias do Corpo Expedicionário Português como potenciais instrumentos de novas aprendizagens.


Objetivos:

  • Refletir sobre a ida de Portugal às trincheiras europeias da I Guerra Mundial
  • Conhecer os preparativos para a campanha europeia: do “show” de Tancos ao desembarque em Brest para rumar à Flandres
  • Compreender vivências de quotidianos nas trincheiras portuguesas
  • Desmistificar alguns protagonismos, preconceitos e estereótipos do imaginário popular e historiográfico conservador
  • Privilegiar o trabalho de fontes primárias do Corpo Expedicionário Português como potenciais instrumentos de novas aprendizagens.